EMPRESAS INDÚSTRIAIS DO CONCELHO DE ARGANIL

Para acederem à informação das empresas Indústriais recomendadas pelo APILOTOS, consultem o Menu no lado esquerdo do Website, e cliquem no nome da empresa que lhes interessa visualizar.

 

Rally de Portugal regressa a Arganil 18 anos depois

É a notícia por que todos os aficionados do desporto automóvel aguardava

m há quase duas décadas: Arganil volta a receber o Rally de Portugal pela primeira vez desde 2001. O anúncio oficial foi feito esta segunda-feira, 28 de Janeiro, durante a sessão de apresentação da 53.ª edição da prova portuguesa do Mundial de Ralis, que decorreu na sede do Automóvel Clube de Portugal, em Lisboa, na presença do presidente da Câmara Municipal de Arganil, Luís Paulo Costa, dos presidentes das Câmaras da Lousã e de Góis, Luís Antunes e Lurdes Castanheira, respectivamente, do Vice-Presidente da Câmara de Coimbra, Carlos Cidade, e do presidente da Região de Turismo do Centro, Pedro Machado.

O regresso da prova do World Rally Championship (WRC) à eterna Capital do Rally e aos míticos troços do Serra do Açor vai acontecer no dia 31 de Maio deste ano, sexta-feira, na primeira etapa da prova, que tem início um dia antes, em Coimbra, e que se estende por mais duas etapas, terminando no dia 2 de Junho.

Depois de 18 anos de hiato, o frenético e potente som dos motores, que continuaram no imaginário dos aficionados do Rally e que certamente os guiará pelas lendárias e memoráveis passagens pelo concelho, fazem-se ouvir na Serra do Açor. Os pilotos fazem-se à estrada a partir da mítica Casa do PPD, imortalizada nos road book da prova, seguindo pela zona do Sardal, Pai das Donas e Esculca, antes de chegarem à meta, no Alqueve.

O passado e o presente encontram-se naquele que foi, continuamente, o palco de épicos e decisivos duelos, depois de um longo e sinuoso, mas sobretudo, compensador caminho percorrido pelo Município de Arganil. As insistentes reivindicações, as incansáveis negociações e, sobretudo, a forte pretensão de dar seguimento à manifesta vontade dos adeptos de verem regressar a prova onde sempre pertenceu conduziram até à meta um árduo processo liderado por Luís Paulo Costa, devidamente apoiado pelas autarquias de Coimbra, Lousã e Góis.

Só poderia ser, por isso, com um enorme orgulho e desmedido entusiasmo que Arganil se prepara para voltar a receber a prova que entre 1967 e 2001 cativou e apaixonou os arganilenses e trouxe à nossa serra milhares de adeptos nacionais e internacionais, ano após ano.

Está de volta a emoção do Rally, estão de volta os troços de piso demolidor, a temível ronda de Arganil, o palco de derradeiros duelos entre pilotos, que tão desportivamente decisivos se tornaram na prova. Está de volta o tão aguardado pretexto para voltarmos a evocar o título de que tanto nos orgulhamos: Arganil, a Capital do Rally.

Arganil celebra regresso do Rally de Portugal com espectáculo histórico

Espectáculo de vídeo mapping, imersivo e interactivo tem lugar a 30 de Maio, pelas 22h, na Antiga Cerâmica Arganilense

Após 18 anos, o Rally de Portugal retorna à Região Centro e ao mítico troço de Arganil, onde se consagraram algumas das lendas mundiais e onde o espírito do Rally nunca se perdeu. Este regresso é celebrado com um espectáculo de vídeo mapping, histórico, imersivo e interactivo, que fará uma viagem ao Rally de Portugal a partir de Arganil, a Capital do Rally.

O espectáculo com entrada livre tem lugar na fachada da Antiga Cerâmica Arganilense, no dia 30 de Maio pelas 22h, com três sessões de cerca de 12 minutos, intervaladas com animação no Nicola Lounge.

“O espectáculo Arganil – Capital do Rally é a celebração do orgulho e entusiasmo dos arganilenses em voltar a fazer parte desta festa do desporto automóvel. O município tem feito nos últimos meses um trabalho incansável de arranjo do troço, de garantir questões de segurança e de preparação logística para receber o evento que atrai milhares de aficionados de dentro e fora do nosso país”, explica Luis Paulo Costa, presidente da Câmara de Arganil. “Esta é uma oportunidade de voltarmos a colocar Arganil no mapa do rally mundial, com uma abordagem dinâmica e que une o nosso sentimento saudosista à nossa visão de futuro como participantes activos na festa do rally”, acrescenta.

O espectáculo é criado e produzido pela TAVOLANOSTRA Eventos Globais, responsável entre outros eventos, pela co-criação e produção das cerimónias de abertura e encerramento do Campeonato do Mundo de Futebol FIFA Brasil, pelos espectáculos das Cerimónias Oficiais das 7 Maravilhas, pelo espectáculo Ambição Olímpica e, no início deste ano, pelo espectáculo da Cerimonia de Abertura da Cidade Europeia do Desporto 2019, em Portimão. “Falamos da paixão pelo Rally. E como todas as paixões esta é também arrebatadora e indomável. O espírito do Rally não se explica. Experiencia-se. Sente-se. Vive-se, sem limite. E é esse sentimento único, partilhado tanto por quem assiste como por quem pratica, sentido com a mesma intensidade por ambos, que queremos traduzir num Espectáculo Multimédia sem precedentes, que terá lugar em Arganil, na imponente fachada da Antiga Cerâmica, no dia em que arranca mais uma edição do Rally de Portugal”, refere João Garrido da Costa, Director Geral da TAVOLANOSTRA Eventos Globais.

O Homem, a máquina e a Natureza são protagonistas de uma história que mais que ser contada, vai ser vivida no limite emocionante dos sentidos, através de uma grandiosa projecção com o recurso ao video mapping e ao som.

É uma viagem ao mundo do Rally de Portugal, desde os anos 60 até à actualidade, com os êxitos e momentos difíceis que esta prova superou ao longo de 50 anos, permitindo que a magia do Rally e a especificidade da etapa de Arganil transportem o espectador para um tempo e um lugar onde a emoção é um alfabeto comum.

Os conteúdos multimédia são emocionais, através de uma linguagem documental, moderna e dinâmica com imagens e depoimentos emocionantes dos maiores protagonistas, mas também do público, de toda a atmosfera visual e sonora que faz do Rally uma paixão sensorial, que se vê, que se ouve e que se sente.

Para João Dotti, CEO da Massimo Zanetti Beverage Iberia, SA, detentora da Nicola Cafés, “este é um momento único para a Nicola, o café dos encontros perfeitos. Não podíamos deixar de participar no reencontro do Rally de Portugal em Arganil. É com imenso prazer que a NICOLA marca presença nesta celebração, aquecendo os corações de todos os que vierem reviver os momentos mais marcantes do Rally, com uma chávena de café e um espectáculo inesquecível e histórico nesta competição.”

O espectáculo tem como promotor o Município de Arganil, é organizado e produzido pela TAVOLANOSTRA Eventos Globais e patrocinado pela NICOLA Cafés.